MINHA ESPOSA ME FEZ SUA ESCRAVA E PUTA – o inicio

Um conto erótico de Daniela
Categoria: Homossexual
Data: 23/07/2017 14:50:46
Nota 10.00

MINHA ESPOSA ME FEZ SUA ESCRAVA E PUTA – o inicio

Sou homem maduro, casado há alguns anos, tenho 1,80 alt. Corpo bem feito sem barriga, moreno claro, simpático, sempre fui um macho jamais pensei em um dia mudar meu conceito de macho, para mim mulher tem de ser obediente e submissa, minha mulher era e ainda é lindíssimos, bunda grande seios grandes e duros, olhos azuis, morena clara, uma delicia de femea, eu sempre mandava ela obedecia, no sexo fazia de tudo com ela quando eu fazia 69 chupando sua buceta e ela meu pau, algumas vezes tentou enfiar o dedo no meu cu eu repelia, pois imagina se um macho iria deixar isso acontecer, até que um dia ela soube que eu tive um caso com uma mulher não sabia como fazer para conquistar novamente seu amor e respeito, se afastou de mim, queria o divorcio, fiquei sem rumo, pois descobri que amava aquela femea deliciosa a minha esposa e não saia mais em casa, e ajudava ela nos afazeres, até que um dia a chamei para uma conversa seria, queria minha vida de volta. Ela falou nunca mais serei a mesma se vc quiser mesmo me reconquistar vou pensar em uma maneira, nunca mais serei sua vc me traiu, eu disse, mas já me arrependi, estou disposto a qualquer coisa, como farei para vc me ter novamente eu estava arrependido de verdade pelo erro que cometi.

No dia seguinte ao chegar do trabalho, senti o perfume de Roberta minha esposa, de banho tomado, apenas de short e bustiê sentada na sala convidou-me para uma conversa, eu sentei-me e ouvi algo que me deixou apavorado, foi mais ou menos assim: Daniel se vc realmente quiser voltar a me ter como sua esposa, terá de satisfazer todos os meus desejos, eu mais que depressa aceitei, ela falou espera não sabe quais são meus desejos, é o seguinte vc após chegar do trabalho terá de cuidar da casa, de nossas roupas, da cozinha, e tudo mais enfim vc será minha escrava nesta casa, eu disse eu aceito e ela falou tem algumas condições vão querer vc vestida de lingerie, roupas femininas, vc será minha femea em casa, chega do trabalho e se transforma em minha escrava minha puta, vai querer ou vamos nos divorciar? Disse já estou preparada para isso, não vou nunca mais querer a vida que vc me dava, terá de ser como estou falando, pense e amanha me responda. Levantei da sala e fui para o quarto onde agora dormia sozinho e a noite toda pensei no absurdo que ela tinha proposto.

No outro dia fui para o trabalho e pensei muito durante o dia, à tarde ao me dirigir para a casa ao chegar a casa ela me esperava novamente de banho tomado e de lingerie lindíssima me provocando, ouvi apenas um boa noite e a pergunta resolveu ou amanhã teremos de ir ao meu advogado providenciar o divorcio, falei Roberta eu te amo, vamos voltar a ser felizes, ela disse vc tem as minhas condições, eu quero ser Roberto para vc e a quero não de Daniel, mas de Daniela, quero vc obediente e submissa a meus desejos, se topar será apenas na nossa intimidade, ouvi o seguinte vc será escrava e não vai poder escolher nada, depende do que eu quiser se quiser vc fora de casa como Daniela vc será a minha mulher na rua também, porém temos de resolver hoje, amanhã já quero separação vou procurar um homem que aceite ser minha femea, já que estas em duvida. Eu então diante disso disse sim Roberta eu aceito ser sua femea, ela sorrindo me abraçou beijando minha boca e disse aproveita seus últimos momentos de homem aqui em casa, a partir de amanhã quando vc chegar vai ser iniciada e feminizada por mim, e passara a ser apenas Daniela, eu pedi esta noite vamos dormir junto amor, ela disse não esta noite vc fica sozinha e amanhã como mulher vai dormir comigo amor, aproveita e se despeça de seus últimos pensamentos como macho, e sorriu indo para seu quarto.

Não consegui dormir aquela noite, pois o tesão era enorme e eu pensava que se tratava apenas de algumas brincadeiras comigo, mas que com o tempo tudo voltaria ao normal, fui para o trabalho e ao chegar à noite meu pau estava duro de tanto pensar em minha mulher, ao entrar em casa senti seu perfume e ela me chamou para o quarto, quando entrei vi sob a cama um conjunto lindo de lingerie preta, um vestido tubinho branco transparente, e ela falou me beijando os lábios, venha Daniela tome um banho, assim que sai ela enxugou meu corpo e pediu para deitar e com vários apetrechos nas mãos, veio me depilar, com laminas e produtos que colava e puxava doía demais, somente sei que fiquei lisinha pernas, peitos, barba, bunda, cu, tudo liso sem pelo algum no corpo, barba me fez fazer duas vezes, estava todo liso, ela disse agora sim minha putinha esta gostosa, ela estava apenas de lingerie, eu via a umidade na buceta dela e seus bicos dos seios estava duríssimos dava para perceber através do soutiens, ai que tesão fiquei na minha. Ela então me fez vestir a lingerie, olhei no espelho e estava me sentindo um pouco feminina, meus seios eram pequenos, mas ela colocou seio de silicone, dizendo vai tomar hormônios e eles irão crescer e ficar deliciosos minha querida esposa Daniela, senti quando ela me abraçou e se esfregou na minha bunda e gozou sentindo minha bunda na sua buceta, ela gemia de prazer, vi escorrer o suco de sua buceta, meu pau explodindo de tesão e ela falou isto aqui vou prender sempre com adesivos e vai ficar para trás será sua buceta Daniela, ai vesti a seu pedido o vestido e olhei no espelho meu corpo realmente estava muito feminino, ela beijou meus lábios e enfiou a língua na boca e eu chupei e gozei sem me tocar molhando a calcinha ela ficou brava e disse sua tarada, tem de se controlar, me lavou com toalha molhada e me deu outra calcinha.

Na cozinha explicou como fazer com a louça, me ajudou sempre ensinando a servir o jantar, e depois me deu um beijo de agradecimento e foi para sala ver o jornal na televisão e eu tive de arrumar a cozinha, quando terminei sentei-me a seu lado e ela ficou olhando o jornal e me acariciando a bunda e os meus peitinhos, eu estava com tesão novamente, acho que a situação me excitava, ela então falou todos os dias será assim vc chega e já se veste e arruma nosso jantar e serve e arruma a cozinha e a casa toda, somente depois iremos dormir e te recompenso com muito sexo, aceita? Eu disse sim amor, quando fui para o quarto ver se tinha algo para arrumar encontrei um baby doll lindíssimo vermelho forte, delicioso, não foi preciso ela pedir já vesti e me preparei para ser dela.

Ela então falou vou trabalhar e quando chegar vou querer vc bem arrumadinha e prontinha para mim, pois vc chega do trabalho e vira Daniela e espera os desejos de sua dona entendeu eu disse sim entendo, perguntou vc esta gostando de ser mulher, eu disse acho que sim, ela falou é que ainda não te inaugurei assim que vc perder o cabaço vai amar ser femea, ser minha puta, e deitou-se a meu lado, tirou suas roupas ficou nua e veio me acariciar senti sua pele me acariciar, seus seios nos meus, meu pau estava preso com adesivos mas duro como pedra, e ela então beijou meu corpo todo, soltou os adesivos meu pau pulou e ela nem deu bola para isso, e virou meu corpo fiquei de bunda para cima ela veio beijou minha costas, minha bunda e quando abriu com as mãos minha bunda eu fiquei louco de tesão, senti sua língua lambendo meu cuzinho ai que delicia, ela enfiava sua língua no meu cu e um dedo junto, ai que delicia, senti a penetração de um dedo, depois de dois dedos, ai não aguentei e gozei, molhando todo o lençol ela disse esta gostando de ser puta não é amor, eu disse estou amando minha deliciosa dona. Somente ai ela falou agora chupa meu pau chupa eu chupei seu grelo e ela gozou na minha boca pulando e gemendo de prazer e disse estou amando fazer vc minha puta, minha escrava Daniela, e ficou quietinha. Somente a ouvi dizer agora dorme Daniela amanhã é outro dia meu amor e dormiu. Eu feliz dormi assim com o cuzinho piscando de vontade de quero mais.

Logo cedo sai para o trabalho, porém quando saia ela me beijou e perguntou faz um agrado para sua dona faz, eu perguntei sim amor o que, coloca um conjunto de lingerie por baixo da roupa amor, quero pensar o dia todo que a Daniela esta em vc e vou ficar molhada de tesão o tempo todo, eu falei se te agrada faço sim amor, e ela me deu um conjunto lindo todo branco, para não aparecer através da camisa branca social, eu sentia o soutiens me apertando em voltado corpo e a calcinha no rego da bunda, fiquei excitado o dia todo, ai que delicia. Fui para casa morrendo de tesão fiz o que ela me pedira e vesti roupas que estavam me esperando em cima da cama, e fui arrumar o jantar, caprichei para agradar minha dona, em minha cabeça ainda não entendia, mas estava gostando dos acontecimentos, à noite fiquei espera de minha dona eu estava morrendo de tesão, pensei hoje vou novamente gozar com sua língua no meu cu, mas quando ela entrou no quarto tirou a roupa e vi um pau enorme acoplado em um cinto de couro, eu pensei não vou aguentar é muito grande, ai ouvi tenha calma minha escrava vai doer apenas na primeira vez, e fui beijada como somente um homem sabe beijar e me entreguei àqueles beijos deliciosos que meu macho agora o Roberto me dava e pequei o pau dela com a mão e falei amor, mas é muito grande e grosso, é maior que o meu, não vai dar amor, vamos começar com um pau menor, ela disse este é o meu pau e a mulher tem de aguentar o pau de seu homem, não dá para ficar arrumando menor ou maior este é o meu e vai entrar no seu cu minha querida escrava. Quis chupar sua buceta, mas ela disse não amor, chupa o meu pau e tive de chupar aquele pau enorme, abri a boca e ela enfiou e eu chupei, vi o quanto ela vibrava de prazer com minha chupada, até que disse vire-se Daniela, e veio com sua boca no meu cu e chupou deliciosamente eu gozei rios de porra na toalha que ela colocou debaixo de mim, e senti quando colocou aquela cabeça enorme na porta do meu cu, após lubrificar ele e passar no meu cu também, ai senti a cabeça e depois que entrou eu chorei de dores, gemi, gritei, mas ela continuava, não parava de enfiar eu pedia, por favor, pare um pouco, mas o pau não parava de entrar, até que senti todo no fundo do meu cu, e ela gozou em cima de mim, rios de prazer, escorrendo pela minha bunda e o pau no fundo do cu, eu gozei novamente, portanto dois gozos em seguida, coisa que nunca consegui como homem, e agora como mulher eu consegui, gozar duas vezes em uma foda somente, ai desfaleci com o pau no fundo do cu.

Quando voltei a mim ela tirou o pau de meu cu, senti uma sensação de vazio no cu, mas estava satisfeita de prazer, ela me beijava e dizia vc é minha mulher perfeita, obrigado Daniela te amo mais que nunca, obrigada meu amor, por ser minha femea, deliciosa, e dormi com o cu todo dolorido, e ela me acariciava a noite toda, perguntando se eu queria ser comida novamente, eu falei quero sua buceta, ela falou não amor, não precisa disso eu gozo no seu cu e vc goza tomando no cu, algumas vezes vou deixar vc gozar na minha buceta, mas somente quando vc merecer minha putinha querida.

No dia seguinte me vesti com lingerie novamente ela ficou feliz e falou amor esta noite vamos sair as duas Roberta e Daniela, vc topa amor meu, eu falei, mas como amor, as pessoas que nos conhecem vão nos ver, ela falou não linda vamos a um bar GLS e vc vai poder ser a Daniela e eu o Roberto, normalmente linda, só não quero que vc fique paquerando se fizer isso eu acabo com vc sua putinha, eu disse não amor, já sei que sou sua mulher, somente sua mulher quem sabe deixo vc paquerar algum homem macho, não mulher ok, eu falei não quero homem tenho vc minha dona gostosa, e fui trabalhar. Quando cheguei à noite vi na cama as roupas que deveria vestir esta noite, lindíssimas e deliciosas, pensei afinal esta sendo gostoso ser mulher dela, mas homem jamais vou querer, como não precisava fazer jantar fui tomar banho e retocar a depilação, passei hidratantes, cremes, perfumes, etc assim que chegou Roberta falou veja a peruca que comprei para minha mulher, e mostrou uma peruca lindíssima loura, que ia até meus ombros, falei será que vou saber usar isto amor, a ouvi dizer vc já nasceu femea, somente não sabia disso sua putinha gostosa, eu falei vamos nos amar antes amor, ela falou não linda, quero vc com bastante tesão esta noite, se contenha putinha, a noite promete. Vesti-me com o vestido longo azul marinho acetinado que ela me deu, tinha uma abertura na perna direita que ia até a calcinha, quando dava um passo a perna ficava exposta, eu me achei deliciosa e provocante, o decote ia até a cintura, ela falou não use soutiens, vai ficar aparecendo somente o montinho de suas tetas lisinhas, todos vão ficar loucos para acariciar e chupar, mas vc é minha puta e não do mundo ok, se alguém for chupar ou acariciar somente com minha autorização ouviu sua puta, eu disse sim amor, só quero vc.

Entramos no carro na garagem do prédio e ninguém nos viu, mas se alguém vir com certeza vai pensar ser uma linda e gostosa loura, e no caminho ela me dava conselhos, fica sempre perto de mim, cuidado com as putinhas do lugar, vc esta comigo se for olhar para uma mulher te mato, e sorria, eu disse amor estou sem jeito vestida assim, acha que vou paquerar mulheres, ela disse não vai paquerar ninguém sua puta, vc é minha ouviu. Chegando ao bar estava lotado de mulheres, homens, cross, bi, lesbicas, tudo o que puder imaginar, Roberta conhecia muita gente, e me apresentava como sua mulher, e todos beijavam meu rosto e eu correspondia, algumas mulheres me paqueravam, e ela ficou brava e falou, contenha-se nada destas putinhas, até que chegou um senhor lindo, bem vestido, serio, e falou no ouvido de Roberta, que linda sua mulher posso dançar com ela? Roberta falou Dr. Ricardo como dizer não ao senhor fique a vontade, e falou para mim este é Dr. Ricardo, por favor, trata ele bem amor, e fui conduzida para a pista de dança, não sabia como me portar, por sorte era uma musica lenta e fiquei sendo abraçada por ele e mexendo os quadris, senti seu pau na altura da minha barrica, fiquei com tesão, meu pau estava preso para trás, mas estava morrendo de prazer de ser abraçada e acariciada na bunda pela mão daquele homem lindo, ai ouvi uma voz deliciosa no meu ouvido dizer vc é linda Daniela, perguntei como sabe meu nome ele disse sua Dona me contou tudo sobre vc, estou encantado com tanta beleza e seu corpo esta me excitando, desculpa se não consigo abaixar meu pau, é sua sexualidade que me deixou assim, eu falei melhor parar não é senhor, ele falou estou amando estar com vc em meus braços, faria qualquer coisa para ter vc a meu lado à noite todo, eu falei Roberta não iria deixar ele falou ficamos os três então, e fomos para nossa mesa, ela atrás de mim, eu sentindo seu pau na bunda quando se encostava a mim, eu fiquei morrendo de tesão, coisa que nunca pensei que iria sentir em minha vida tesão por um macho.

Na musica seguinte Ricardo tirou Roberta para dançar eu fiquei sentada olhando e vi como eles falavam o tempo todo, e olhavam para mim, senti ciúmes de minha mulher e do meu paquera, ai eles saíram da pista e vieram sentar-se ai ela falou Daniela vamos até o toalete retocar a maquiagem, lá chegando ela me abraçou e disse sabe Ricardo esta louco por vc, e não quero fazer nada contra sua vontade, embora vc como escrava tenha de aceitar e pronto, mas vou dar a vc o direito de aceitar ou recusar, e falou, ele quer ir para casa foder vc e eu junto, ele quer fazer um ménage conosco, vc aceita? Eu falei amor ainda é cedo, ontem perdi a virgindade do cu e já vou ter um pau de verdade, acho melhor não, ai ela falou sabe amor, o Ricardo é dono da empresa onde trabalho e sempre quis me comer e eu nunca dei por causa do Daniel, mas agora neste clima acho que será delicioso, peço para ele não comer seu cu se vc não quiser, ele come o meu e a buceta e vc apenas participa, eu disse nada disso seu cu não, se quiser cu ele come o meu, e sua buceta, seu cu é meu apenas meu, ela sorriu e disse ótimo Daniela, vc é mesmo a putinha que sempre quis ter.

Vai ter de convidar ele para nossa casa, afinal vc é a semi-virgem aqui, e ao chegar à mesa eu disse vamos embora Roberta, e falei Ricardo vc poderia nos acompanhar e passar a noite conosco, vc aceita ele simplesmente me beijou na boca e disse estava ansioso por este convide delicia. No carro ele sentou-se a meu lado no banco de trás com Roberta dirigindo, e quando a saia do vestido abriu mostrando minha perna ele colocou a mão e disse sabe Daniela é a perna mais linda que já vi neste lugar, puxou-me para junto dele e beijou minha boca sedenta de um beijo, ao chegar a casa, entramos e sentamos no sofá na sala com ele entre-nos duas, ele beijava Roberta e beijava minha boca, sempre acariciando, ai ela tirou o pau dele para fora e eu vi aquela maravilha toda, era grande, grosso, reto, lindo e cabeçudo, fiquei louca de vontade de chupar, mas esperei minha mulher dar o inicio a tudo e ela convidou-me a chupar também, nos duas brigávamos por aquela vara maravilhosa, e ele gozou ela tomou toda a porra e me beijou com a boca cheia de porra para eu sentir a delicia que era porra de homem. Levamos nosso macho para o quarto e tiramos a roupa dele, deixando o pelado, e fiz Roberta fazer um strip e ela pediu que eu fizesse também, quando estávamos nuas, eu apenas de calcinha ela tirou os adesivos e meu pau apareceu em toda a plenitude, Ricardo disse vou comer primeiro a Daniela quero tirar logo este cabaço tão desejado por vc amiga, e veio com aquele pau enorme para meu lado, eu senti a língua da Roberta lambendo meu cu, e preparando-o para sentir o pau entrar, ai ela passou ky no meu cu e depois passou no pau e quando se encostou à porta do meu cu, fiquei com medo, mas deixei rolar e o pau entrou bem gostoso, doeu muito, mas foi entrando como um rompedor, e foi entrando até eu sentir o saco batendo na minha bunda, a dor era insuportável, mas ninguém iria deixar de foder porque eu pedi para parar, portanto relaxei e senti o intruso me foder e a dor foi transformando em prazer e eu gozei sem tocar no meu pau, Roberta chupava minha língua e a dele, enfim ela ficou o tempo todo usando nossos corpos para gozar se esfregando em nossos corpos.

Após gozar fui tomar banho e colocar um baby doll, e depois Roberta o levou ao banho também, ele ficou pelado, eu amei ver aquele pau duro novamente e quando deitamos novamente os três ele falou vou comer a Roberta na sua frente Daniela algum problema, eu disse faça o que achar melhor esta noite somos suas, ele falou sabe Daniela foi o melhor cu que já comi na vida, vou querer sempre, Roberta vai ter um sócio neste cu, ela então falou somente vou dividir este cu com vc Ricardo. Ai ele beijando a boca dela subiu sobre ela e enfiou aquele pau delicioso em sua buceta, foi lindo ver a foda, via o pau sair e entrar até ambos gozarem, eu fiquei deitadinha vendo os foderem bem gostoso, ai ambos vieram me comer e eu gozei varias vezes aquela noite, tomei no cu com o pau de Ricardo e depois com o pau de Roberta, meu cu ficou aberto, e fodemos a noite toda. Logo pela manha foi embora prometendo voltar sempre, eu o beijei na boca, ela também e se foi.

Roberta falou vc gostou de tomar no cu não é sua puta, eu disse e vc gostou de tomar na buceta não é sua puta e na minha frente, ela sorriu me abraçou e disse teremos muitas aventuras como essa ainda meu amor, vamos ser sempre assim felizes, vai ver como será boa nossa vida de hoje em diante.

Vou parar esta historia pois esta ficando longa demais, mas tenho muito para contar ainda da minha nova vida como mulher e puta de minha dona, se quiserem saber basta pedir que continuamos.

Daniela

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
24/07/2017 14:38:01
Muito booom!
24/07/2017 07:20:01
Amei o conto, adoro ficar com casal. Sou fotógrafo e adoro filmar e fotografar esses melhores momentos. Caso interessar posso viajar e receber.
24/07/2017 01:28:56
Uau! Muito bom
23/07/2017 15:51:34
Delicia de conto , tenho vontade de comer um casal assim, topas,

Online porn video at mobile phone


Coroa com chotiho de maha detro da bocetavideos de sexo Dono de imóvel comendo o cu da inquilinaanãzinha f****** com a b***** na pica grande quase do tamanho de um braçoasustou quando viu um pau grissoo gaycontos eiroticos leilapornasistir videos porno brasileirocontos eróticos com tia e sobrinhofodendocom sobrinhosgostosascontos eiroticos leilapornenfiando cassetete de policia no cu ate o talo no xvideocontos eiroticos leilapornpau groso egosano ebonitocasa erotica corno manso fingi dormir mulher tem garra para aguentar o dotado no pornodoidoPeço assistir video pornografico quente ao vivo, de meter o pau fundo e brincar dentro da vagina, eu chupando outro pau bem gostoso, gemendo de prazer incansável,sexo brutal negão castigando a barriga até machucar outro delaXVídeos atormentavam televisãoamon xvídioso bucetimha de.nehrinhaxvideo entiada gozando e perdendo a vidadevidiosexoolinemeu primo tirou minha cueca e cheirou minha rolagostoza dando cu de 4 flagrei brechando e nao gosteiporno brasileiro negão caralhudo fudendo loira cinquentona inteironamulher trasando cem saber com oltromeu namorado quer fazer sexo comigo menstruada conto eroticocontos eroticos de irmas gemiasdeu pro time todoporno com baby boneca ecesto pai velho tarado e pausudocontos eróticos o dedinho da urologistapraia tirando a roupaxvideoConto irmao tira cabaço a irma de 13 gostosacontos eróticos de negao c empregada domésticadesdobrando para depois comer XVídeosArrombou minha buceta contofilme completo eurotico a preta cracudaContos eroticos elacareca peladasexo fiocado painovinha 18 ano que foje pra cama dos.pais pra trepa com elesitalaninha gostosa guenta facil o negao bem dotadoksalswing2011casada bucetuda safada apontando com um negao dentro de casa video dowoads gratisirman liquida divida do irmao pro amigo com bucetatrelada xxx conto fotoxvideos mae meninas cempeitovideo pornor nagao fudendo o gay e falando fuleragem senta na minha rola vamos gozar juntoscontos eroticos o magnataContoeroticogeywww.porno travesris espremendo o proprio peitocu gostosocontoxnxx porno gey contos eroticos novinho pegando priminho no riachocasadoscontos estrupada por pivetescontos de sexo depilando a sogravideo mulher peito duro lavano carro pornominha vizinha ficouloca pra mim daconto filha esta para separar do marido porque nao da cu a mae dela ensina como dar o cucontos eroticos fistingXVídeos só voz tapeando e as netas bem novinharelatos eroticos travesti arebentou cabacinho das novinhascontoerotico eu namorada mae e tiocontos sogra e genros sem aman na cama da casa delaSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhaContos eriticos .como virei escrava do vizinhonegaoBc contos/cunhadasafadaXVídeos priquito bem bonito eu sou um Marciano eu quero verFotonovela porno ruiva malvada videos de pornodoido levou anovinha pr fode demadrugadacorno leva 2negoes pra tranzar com sua mulher e fica apavoradocontos erotico esposa bêbada e dpcontos eiroticos leilaporncontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgequero ver filme pornô mulher metendo metendo e gritando mexendo na terraconto erotico gay negao dominador gosta de maltratar viado brancoContos eroticos chantagiei e chupei minha maninha contos gay fe feminizaçao forçadapornota doendo gosa logocontos de homens casados e suas escapulidascontos eroticos nao aguentei e transei com a minha cadelaGosto de fasexe com minha cachorra homemfilha senta no colo do pai em busão lotado/casadoscontosvideos de sexo gay borracheiro mundobichanovinha sendo massageada na buceta com lanjeri fio dental deixando se massagista abusar de sua bucetaxvideo.ana desfarsado no quarto da novinhaconto erótico o Início de Lúcia como escravaContos de cochoro que estorou o cabaco da donaConto esposa quer filmar