Tarde com um amigo

Um conto erótico de Liv Onemore
Categoria: Heterossexual
Data: 11/07/2019 22:56:34
Nota 10.00

Naquela manhã, quando saí de casa, não imaginava o que aconteceria; não imaginava que quem eu pensava conhecer me surpreenderia. De um jeito positivo, algo estava prestes a acontecer e mudaria quem eu pensava ser.

Já fazia uns dias que Pedro falava comigo quase que diariamente. Por ser sua única amiga mulher, fora a esposa, eu era sua conselheira; confidente. Quando ele me pediu uma conversa pessoalmente, um café, na verdade, logo imaginei que o casamento não andava bem. Sempre soube do ciúme dela, mas nunca levei a sério. Que homem não pode ter amigas?

Ele, moreno, alto, sexy, estilo badboy. Eu, loira, baixinha, com curvas e boa moça. Quem iria imaginar?

Combinamos um café na faculdade, ele se perdeu e me ligou “Liv, não sei onde eu to! Me ajuda!” Juro que tentei não rir, mas era cômico! Como alguém pode não saber onde estacionou? Lá fui eu ao resgate... Depois de longos 15 minutos, eu o avistei... Nossa, não me lembrava de ele ser tão sexy! Não sei ao certo de onde saíram os pensamentos, mas eu logo os sufoquei. O foco ali era ouvir. Ele precisava dos meus conselhos, mas mais ainda, precisava que alguém o ouvisse sem julgar.

Sentamos na cafeteria, pedi meu café e ele um suco de laranja. Ele parecia distante, como se quisesse adiar o assunto... Confesso que nunca fui paciente, não gosto de mistérios! Fui logo ao ponto: “Vamos lá! Desembucha!” Ele riu do meu jeito e coçou a barba. “Liv, meu casamento não anda bem. Ela me sufoca, me afasta e diz que me ama! Não sei lidar”. Conversamos longos 30 minutos sobre as dificuldades do casamento... não quis me meter muito, mas escutei tudo que ele precisava desabafar. No final, meu café já estava gelado e ele confessou “Sei que não agi certo, mas eu traí a Paula.”

Dessa vez, fui pega de surpresa. Cara, eu fui madrinha de casamento deles! Como reagir a algo assim?

Ele levantou, meio abalado e disse que tava na hora de ir. Falei que ia com ele até o carro. Fomos andando, lado a lado. Falamos amenidades pra aliviar o clima. Não nego que fiquei surpresa, mas quem sou eu pra julgar alguém?

Chegando ao carro dele, ele se senta sobre o capô e fica me encarando. Eu, sem jeito, tento evitar o olho no olho. O que está acontecendo? Naquele momento, eu senti que ele precisava de mim. Louco pensar nisso, mas eu também precisava dele naquela hora. Fui andando na direção dele, preciso de um abraço. Ele me puxou para si e eu me encaixei no corpo dele.

Não precisamos que nada fosse dito.

Ele me beijou. Eu o beijei. Não sei se importa muito. Boca na boca. Pele na pele. Ele respira e eu respiro.

Eu separei nossas bocas e olhei pra ele. Como isso é possível? “Não pensa, Liv” e eu obedeci.

Pedro me puxou pra dentro do carro e ali eu consigo um pouco de distância pra olhar pra ele. Nunca fiz algo assim. É loucura. Estava prestes a sair de dentro daquele carro, quando ele me puxou novamente. Dessa vez, pro colo dele. Montada sobre ele, percebo que estou perdida. Não consigo mais resistir.

Ficamos longos minutos nos agarrando. - ou teriam sido horas? - e eu o senti pressionando sob mim. Sei que ele me quer e eu o quero.

Eu desmonto, sento no banco do passageiro e abro o cinto, depois o zíper, lentamente. Preciso provar o gosto. Pego o pau, bombeio com a mão - pra cima e pra baixo - e olho nos olhos dele pra saber que estou fazendo certo. Bem assim.

Então, não consigo mais esperar, coloco na boca. Passando a língua sobre o comprimento, rodando, testando e provocando. Até, enfim, colocar todo na boca. Chupo com força e ele se descontrola. Segura minha cabeça e meus cabelos, me encorajando a continuar. Mantenho o ritmo e ele me avisa “Se continuar assim, vou gozar na tua boca”. E assim acontece. Sinto o jato quente no fundo da garganta e engulo tudo. Limpo os lábios, ajeito a roupa. Sei que estou com cara de quem acabou de foder. Acho que gosto desse visual.

Pedro fica me olhando por alguns minutos, ainda se recuperando. Mas eu não dou tempo pra isso. Sinto meu celular vibrar e digo: “Preciso ir. Estão me esperando pra almoçar”. Me aproximo e beijo o rosto dele. Abro a porta e saio do carro. Não olhei pra trás. Comigo, trouxe apenas o cheiro dele. Minha melhor lembrança.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
VIC
12/07/2019 13:35:32
Liv, que delicia de amizade..show
12/07/2019 08:08:20
Parabens Liv...excelente história...queremos mais
12/07/2019 00:16:01
parabens ,muito bom,passional

Online porn video at mobile phone


coisa bramca bem groso saindo da nuceta sai so quando coloco o dedoquero ver moças de 18 anos de baby doll bem curtinho dentro de casa em movimentocontos eroticos de moreno perigosoviva.video.mijonasxvodeos rebolando cuzao chupano varasexo gai urso parrudos chegou de viagem e foi dar uma foda xvideosvideo gay galeguinho botando viado pra mama fingindo dormirviadinho bundinha linda arrebitando pra mim na cachoeira...xvideoscontos eróticos meu namorado me amarroue vendou e chamo os amigosenfianp atr o talo no cucontos.fragas cheirando causinhasexo e foda com uma novinha dormindo sem calcinha derepente sente que esta a ser metida na bocetaXVídeos de sexo brasileiro pai vaisi cavi filhaporno.incesto.filha se asusta.com o.tamanha do pau do.negraofilme pornô brasileiro loira bem gostosa lycra Berto Filhocoletânea de gozada dentro da buceta pausado nocontos eiroticos leilapornwww.porno zoofilia.com/contos dando buceta virgem dois cavalos?paus mostruosos gosamdo nas bucetadMinha tia evangélica no sofá tarada conto erotico funk peladaconto erotico sendo ensinada por papaivídeo pornô com boneca de silicone de 80 kilos pela XVídeo pornôporno casada adorando ao senti um estranho te alizando e esfre o pau nela no onibos na frente de seu maridoContos eroticos .meu filho vive me encoxando sinto seu penisvideo pono colocono shotinho diladinhovizinha estrupadaviolentamentesexocontoerótico espinhei meupaibuceta babando liquido transparenteConto erotico anal com humilhaçao e cinto de castidade masculinacontos eiroticos leilapornMulata toda certinha com uma bunda maravilhosa negao enfiou o pau todo nela.contos eroticos em cinemasdesde novia goto d pauzao n m xoxotaimem roludodoelacareca contos eroticos de mullheres carecasvideoxxx tia dormiu de cochicha com sobrinhoContosmulherbebadaContos eroticos heterosexual picantes com cenasxvideos cheguei em casa com a buceta melada de porra e falei pro corninhocomendo a buceta da cabra eda ovelha novinha xhanstercontos eroticos gay entre jogadoressites porno contos eroticos de incesto mae ver o pau duro do filho fica com tesao com a buceta toda meladarelatos de sexo meu cunhado não resistiu quando me viu só de fiodentalx videos curraincestofilha fodendo con negao picudo e mae espiamdoconto erotico de maes esfregado suas sadalia de salto no pal dofilho para ele goza nelasgostosasyoutubexvideosescondendo atrás do Paiol pornôXvideos... Humrumnando ta duendo nando ai minha buceta nando ceta poinhndo tudosexocazeiro oniboXvideo realisei minha vondade de der dois paus sopramim um infiado no e outro na buceta trai meu marido vou contar como foieu e minha mãe fudemos com o pedreiro e seu ajudante www.xvideos-gaysinho peniz montro.comhttps://rigertacademy.ru/texto/201008250Contos eróticos procurando aventura no clube de campoconto gay apaixonado pelo traficante nando papai tirou sangre do cu da filinha peituda ponuassistir filmes pornô super excitastes lenbi pinto bebi porrairman liquida divida do irmao pro amigo com bucetarenningcontos.wordpress.comXVídeo amassadinho estrangeiraminha mulher e os gemeos bem dotado contos e entai eroticoscontos eroticos com madrinha e afilhadoContos zoofilia encentiveivirei escrava do vizinho contos eróticosfodido pelo mendigo roludo contos gaycontoseroticoscomesposaConto no interior vi mamae pelada ela disse vou te capa cacetudorebolando com a bundinha bem sensual Zinha só de calcinha rebolando rebolando bem devagarzinhocontos eiroticos leilapornporno levou finha poamigover mulher gritando de tesão saindo gosminha do grilo da sua buceta grandebonezinho da bucetinha bem pequenininhavirei putinha do titio cassetudocontos eiroticos leilapornEu e minha prima no motel eu disse que eu nao ia meter meu pau na sua buceta virgem mais eu meti meu pau na sua buceta virgem eu disse pra ela agora sua buceta nao e mais virgem conto eroticocontos de tia lesbica com a sobrinha